Sunday, November 30, 2008

 

Passeio no Pedacinho do Céu, no dia 12.12.2008, com os alunos do 2º ano da Escola E.E.M. Japão.

Fui com a Escola E.E.Médio Japão, com os meus alunos do 2º ano, ao passeio no sítio Pedacinho do Céu, no dia 12.12.2008.



Labels: , ,


 

Festa de Natal na Escola Japão, no dia 11.12.2008.

A Festa de Natal, da Escola Japão estava muito linda.
Meus alunos se apresentaram cantando uma música de Natal "Todo dia é dia de Natal, da cantora Eliana".





Todo dia é dia de Natal







Eliana



Veja nas cores do mundo
No brilho das flores
Na luz do Luar

Sinta o sol que te aquece
O sopro do vento
A chuva e o mar

Preste atenção às pessoas
Em cada sorisso
Em cada olhar

Estenda a mão com carinho
A gente se ajuda
Tentando ajudar

Como se fosse Natal
Tempo do bem, celebrar
Faça do amor, da bondade
O maior motivo para festejar

Todo dia, é dia de Natal
Cada dia, é um dia especial
Todo mundo carrega uma luz
A estrela do amor nos conduz
Para junto da felicidade que existe em Jesus.

Todo dia, é um dia de Natal
Cada dia, é um dia especial
Todo mundo carrega uma luz
A estrela do amor nos conduz
Para junto da felicidade que existe em Jesus.

Como se fosse Natal
Tempo do bem celebrarFaça do amor, da bondade
O maior motivo para festejar

Todo dia, é dia de Natal
Cada dia, é um dia especial.
Todo mundo carrega uma luz
A estrela do amor nos conduz
Para junto da felicidade que existe em Jesus.

Para junto da felicidade que existe em Jesus.
Para junto da felicidade que existe em Jesus.




 

Festa de Natal, na Escola Toyama, no dia 10.12.2008.

Labels: ,


 

Festa de Encerramento do Ano, na sala de aula.

Festa de encerramento de ano, com a minha turma do 2º ano, a turma 22 da Escola Estadual Japão.





 

Apresentações Culturais na Escola Estadual Toyama.

Meus alunos da 4ª série ensaiaram e se apresentaram para a escola, a peça de teatro Pluft, O Fantasminha, de Maria Clara Machado.













Jogo de futebol da turma 41.

Labels: ,


 

Torneio de futebol e formatura do PROERD.

No segundo semestre de 2008, minha turma da 4ª série, da Escola Estadual Toyama participou do PROERD tendo como instrutor o Soldado Mauro. Foi realizado um torneio de futebol, entre as turmas em que ele trabalha com o PROERD. Minha turma jogou com a turma da 4ª série, da Escola Helena Schneider. Ganhamos a partida de 5 x 3.



A Escola Estadual Toyama disputou a final com o Colégio Estadual Japão que havia vencido da Escola Estadual Itália. O Colégio Japão foi campeão do Torneio do Proerd (equipes do instrutor Soldado Mauro)ganhou de 5 x 4 da Escola Toyama.

Formatura do PROERD no Lindóia Tênis Club




 

PROERD.


Programa de Resistência às Drogas e à Violência - PROERD






O Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD) é uma iniciativa da Polícia Militar de prevenção para crianças do Ensino Fundamental até o Ensino Médio; os pais também recebem orientações em reuniões e palestras, representando um esforço cooperativo entre Escolas, Pais e Polícia Militar. O PROERD é baseado no Programa Americano chamado D.A.R.E (Drug Abuse Resistance Education). Hoje ele é desenvolvido em mais de 50 países, e cerca de 40 milhões de crianças por ano têm instrução com policiais PROERD.


Objetivos do Programa


Os objetivos principais do PROERD são noções de cidadania, prevenir ou reduzir o uso de drogas e a violência entre crianças e adolescentes. A ênfase deste programa está em auxiliar os alunos a reconhecerem as pressões diretas ou indiretas que os influenciarão a experimentar álcool, cigarro, maconha, inalantes, ou outras drogas e a resistirem a elas, bem como àquelas para se engajarem em atividades violentas. O Programa oferece estratégias preventivas para reforçar os fatores de proteção, em especial referentes à família, à escola e à comunidade, que favorecem o desenvolvimento da resistência em jovens que poderiam correr o risco de se envolver com drogas e problemas de comportamento. Esta estratégia concentra-se no desenvolvimento da competência social, habilidades de comunicação, autoestima , empatia, tomada de decisões, resolução de conflitos, objetivo de vida e independência, e alternativas ao uso de drogas e outros comportamentos destrutivos. O desenvolvimento do conteúdo do PROERD pode ser incorporado de forma interdisciplinar no currículo escolar dentro das disciplinas relativas a saúde, ciências, estudos sociais, literatura e outras. O professor deve manter um papel de apoio na classe, enquanto o policial está em aula. Atividades com pais ou responsáveis



Uma parte importante do programa é envolver os pais ou responsáveis nas atividades, sendo que, na primeira lição, é encaminhada mensagem por intermédio do aluno para que estes tomem conhecimento do programa em que seu filho participará e das reuniões programadas, durante os trabalhos, com eles. O Programa proporciona informações sobre comunicação com os filhos, construção da autoestima, fatores de risco associados aos jovens, noções básicas sobre uso de drogas e estágios da dependência dos adolescentes, fatores protetores e fontes de pressão, resolução de conflitos e a violência. Treinamentos com Policiais Este processo inicia-se com uma rigorosa seleção dos policiais, pois, desta iniciativa, dependerá o sucesso ou não do Programa. Estes policiais deverão enquadrar-se em diferentes aspectos, os quais deverão levá-lo a ser um constante pesquisador e estudioso do assunto. Quesitos exigidos na seleção: a) Ser voluntário; b) Ter, no mínimo, um ano de serviço em atividade-fim da Corporação; c) Possuir experiência e/ou formação em atividades educacionais, recreativas e/ou comunitárias; d) Estar classificado no mínimo no comportamento Bom; e) Não estar respondendo a processo civil ou militar e nem a inquérito, na condição de indiciado em delitos incompatíveis com o trabalho com crianças; f) Não ter sido condenado em processo civil ou militar em delitos incompatíveis com o trabalho com crianças; g) Ter nível médio completo, ou estar cursando ou ser formado em nível superior; h) Ter facilidade de expressar-se verbalmente; i) Não ser dependente de fumo, álcool e outras drogas. O Policial Militar selecionado participará do Curso de Formação de Instrutores, com duração de 80 h/a durante duas semanas. Este curso o habilitará a desenvolver o Programa para as 4ª séries do Ensino Fundamental.



Histórico do Programa


A Brigada Militar, desde 1998, vem desenvolvendo o PROERD (Programa Educacional de Resistência às Drogas e Violência), nas escolas do Estado, através de policiais militares voluntários. O PROERD é baseado no programa Norte Americano D.A.R.E. (Drug Abuse Resistance Education), que foi desenvolvido em Los Angeles, Califórnia, em 1983, e já é aplicado em outros 50 países envolvendo 60 mil policiais. Os Estados pioneiros no Brasil foram Rio de Janeiro e São Paulo, sendo iniciado no Estado do Rio Grande do Sul no ano de 1998, com a formação de duas turmas de alunos da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Piratini, em 15 julho do mesmo ano. Atualmente a Brigada Militar conta com 551 Instrutores Policiais Militares voluntários, que foram preparados para desenvolver o trabalho de prevenção nas escolas e também na comunidade envolvendo pais, professores, alunos e comunidade. Esses Policiais Militares atendem alunos das escolas estaduais, municipais e privadas do Estado. O programa já foi desenvolvido em 451 municípios, desde sua implantação em 15 de julho de 1998, o PROERD já formou 539.282 mil alunos das Escolas da rede pública e privada do Estado. Os Policiais Militares desenvolvem um trabalho educativo de Prevenção, de forma voluntária, pois além de suas atividades de policiamento, contribuem semanalmente com parte de seu tempo, na busca da construção de um futuro melhor, principalmente, para nossas crianças.



Metodologia de Ensino


O Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência consiste em um esforço cooperativo dos Policiais formados pelo Programa, Educadores, Pais e Comunidade para oferecer atividades educacionais em sala de aula, a fim de prevenir ou reduzir o uso de drogas e a violência entre crianças e adolescentes. A ênfase deste programa está em auxiliar os alunos a reconhecerem e resistirem às pressões diretas ou indiretas que os influenciarão a experimentar álcool, cigarro, maconha, inalantes ou outras drogas, bem como àquelas para se engajarem em atividades violentas. O Programa oferece estratégias preventivas para reforçar os fatores de proteção, em especial referentes à família, à escola e à comunidade, que favorecem o desenvolvimento da resistência em jovens que poderiam correr o risco de se envolverem com drogas e problemas de comportamento. Pesquisadores identificaram fatores sociais e protetores ligados à família, escola e comunidade, os quais fortalecem essa resistência nos jovens, em outras palavras, a capacidade de jovens crescerem de forma independente e saudável, apesar de condições adversas.Esta estratégia concentra-se no desenvolvimento da competência social, habilidades de comunicação, autoestima , empatia, tomada de decisões, resolução de conflitos, objetivo de vida e independência, alternativas ao uso de drogas e outros comportamentos destrutivos. O Programa é organizado em 10 aulas de 60 minutos, que serão ministradas, obrigatoriamente, por um Policial Militar fardado, com auxílio e acompanhamento do professor. A participação do estudante no PROERD pode ser considerada como parte integrante do currículo, oferecendo assuntos como: saúde, ciências, estudos sociais, literatura e outros. O professor deve manter um papel de apoio na classe, enquanto o policial está em aula. As lições são desenvolvidas em sala de aula, por um Policial Militar com o acompanhamento e auxílio do professor(a) e de forma interdisciplinar, que busca desenvolver na criança e no adolescente capacidades sociais e habilidades, que possibilitem a estas manter-se afastadas das substâncias psicoativas e da violência, compartilhando conhecimentos e técnicas sobre como resolver conflitos, ser seguros, tomar decisões por si próprios e resistir à pressão para experimentarem as drogas. As metodologias aplicadas além do apoio didático do Livro do Estudante PROERD, é privilegiada a aprendizagem ativa através de encenações teatrais, trabalhos em grupos e individualizados, que visam estimular os alunos a terem um olhar crítico das situações do dia-a-dia, ainda são trabalhos valores como: limites, disciplina, amizade e amor, cidadania, bem como a importância da família para cada um de nós. A escola sempre foi e sempre será um local onde o aluno tem de encarar certas frustrações e viver algumas tensões, como: Os pais se atrasam para buscar a criança, e ela espera achando que será abandonada; Problemas com notas e disciplina; Brigas entre alunos; Ferimentos pela prática de esportes. Em contrapartida a estas tensões, a escola deve, obrigatoriamente, ser um local que forneça oportunidades prazerosas à criança, desde o tratamento afetivo entre professor e aluno, até atividades lúdicas e educacionais, que façam com que a criança sinta-se envolvida em um grupo, tenha atenção, sinta-se útil e querida. O aprendizado cooperativo é uma importante estratégia utilizada pelo PROERD e consiste na divisão da sala em grupos de alunos, atribuindo-lhes funções e permitindo aos membros dos grupos a resolução de problemas. Tais atividades contribuem para atender as necessidades de afeto, reconhecimento, respeito e sentimento de autoestima. Uma parte importante do programa é envolver os pais ou responsáveis nas atividades, sendo que, na primeira lição, é encaminhada mensagem por intermédio do aluno. Os pais tomam conhecimento do programa em que seu filho participará, havendo, ainda, durante os trabalhos, reuniões com os pais ou responsáveis.


Fonte: Site da Brigada Militar / PROERD.







 

Passeio ao Cinema com a minha turma do 2º ano.









Fizemos um passeio com os alunos do CAT, da Escola Estadual Japão, até o Cinema do Bourbon Shopping da Ipiranga assistimos o desenho "Kung Fu Panda".
As crianças adoraram o passeio.



Kung Fu Panda (2008)
Direção: John Stevenson, Mark Osborne (I)
Roteiro: Glenn Berger
Elenco: Lucy Liu (Mestra Víbora), Jackie Chan (Mestre Macaco), Jack Black (Po), Angelina Jolie (Mestra Tigresa), Dustin Hoffman (Shifu), Ian McShane (Tai Lung)

Sinopse: Um urso panda preguiçoso deve largar o emprego como garçom e adquirir habilidades em artes marciais para salvar o Vale da Paz das garras de poderosos inimigos.
Po (Jack Black) é um urso panda desajeitado, que trabalha no restaurante de macarrão de sua família. Um dia ele é surpreendido ao saber que foi escolhido para cumprir uma antiga profecia, o que faz com que treine ao lado de seus ídolos no kung fu: os mestres Shifu (Dustin Hoffman), Garça (David Cross), Tigresa (Angelina Jolie), Louva-deus (Seth Rogen), Macaco (Jackie Chan) e Víbora (Lucy Liu). Quando o traiçoeiro leopardo da neve Tai Lung (Ian McShane) retorna, cabe a Po defender o Vale da Paz.

 

Trabalho dos alunos da 4ª série sobre os Imigrantes do RS.

Dividi a minha turma em grupos e cada grupo trabalhou sobre uma etnia dos povos, que imigraram para o Rio Grande do Sul.
Foi um trabalho muito bom de realizar com a 4ª série, eles demonstraram muito interesse, criatividade e excelentes apresentações aos colegas dos trabalhos realizados.







 

Aula presencial da Interdisciplina Psicologia da Vida Adulta.

Nesta aula presencial, de Psicologia da Vida Adulta apresentamos os Projetos de Aprendizagem desta interdisciplina.



Meu grupo trabalhou neste projeto:

Estresse Profissional na Vida Adulta

Labels: ,


This page is powered by Blogger. Isn't yours?